Museu de Arte Sacra

DSC07263

Fundado em 1978, o Museu de Arte Sacra funciona na centenária Igreja de Santa Rita, no Centro Histórico de Paraty.

Seu acervo compreende importantes relíquias histórico-religiosas, encontradas e recolhidas de várias outras igrejas da cidade. Entre eles, objetos e utilitários em prata e ouro, imagens de santos, mobiliário antigo, peças de época, bem como diversos artefatos sacros.

O museu possui imagens barrocas e em terracota de anjos e santos de importantes artistas sacros, e diversas outras peças e utensílios que compõem a Liturgia Católica: cálices, serpentinas, coroas, bacias, turíbulos, sinetas, jóias e paratynet preciosismo dos séculos XVIII e XIX.

Depois de seis anos fechado para reformas, o museu foi reaberto à visitação em junho de 2015.

A Igreja de Santa Rita

Esta igreja, com sua respectiva Irmandade, reunia “as cores pardas de Paraty”, tanto na vida como na morte. Em vida, nas cerimônias religiosas, e na morte, pelo direito de se enterrar no cemitério da Irmandade, existente até hoje ao lado da Igreja.

Em termos de arquitetura religiosa, a Igreja de Santa Rita talvez se constitua no mais bonito templo da cidade. “É a mais valiosa, tanto pelo apuro da cantaria e do trabalho de madeira, nas portas, e do ferro na sóbria elegância das sacadas do coro, tanto pela talha dos altares colaterais de canto, com belas imagens de Nossa Senhora e enquadrando, na forma usual, a capela mor”, escreveu o historiador Roger Bastide.

Como a Igreja, a Irmandade era rica em “objetos de prata, ornamentos, alfaias, apólices e mais pertences”, conforme se verifica pelo exame do “Livro de Inventário da Venerável Irmandade da Gloriosa Santa Rita”, datado de 10 de abril de 1911.

Na mesma Igreja ainda funcionavam as Irmandades de Nossa Senhora do Carmo e de Nossa Senhora da Conceição, que aí realizavam as suas festas. Internamente, os altares são de madeira trabalhada, decorados com folhas de acanto e anjos, o coro e as tribunas apresentam finos rendilhados.

Pela lateral do altar-mor chega-se ao cemitério da Irmandade, em catacumbas, nela funciona o Museu de Arte Sacra de Paraty. A igreja está situada no largo do mesmo nome, ao lado da antiga cadeia pública

Considerada pelo arquiteto Lúcio Costa como a mais valiosa de Paraty, é também a mais antiga da cidade.

Sua construção, em pedra e cal, sua fachada frontal em estilo barroco, destacam-se o belo acabamento em cantaria, o trabalho de madeira nas portas e de ferro nas sacadas do coro, o frontão em curva e, sobre a torre sineira, a figura do galo dos ventos.

O altar-mor, em talha policromada, é ladeado por colunas torças com seus sulcos preenchidos por ornamentos fitomorfos. Os altares são de madeira trabalhada, decorados com folhas de acanto e anjos.
Sobre os altares destaca-se o resplendor talhado em madeira que simboliza a presença do espírito santo.
Em termos de arquitetura religiosa, a igreja de Santa Rita talvez se constitua no mais bonito templo da cidade.

“É a mais valiosa, tanto pelo apuro da cantaria e do trabalho de madeira, nas portas, e do ferro na sóbria elegância das sacadas do coro, tanto pela talha dos altares colaterais de canto, com belas imagens de Nossa Senhora e enquadrando, na forma usual, a capela mor”.

Entrando pela porta lateral na passando pela sacristia encontramos incrustadas nas paredes laterais os túmulos da Irmandade dos Pardos libertos, ordem a que pertencia a igreja.

Localização
Largo de Santa Rita, Centro Histórico de Paraty-RJ. Fone (24) 3371-8751 e 3371-8328.

Visitação
Reaberto para visitação pública em 13/6/2015. Horários: Quarta a domingo, de 8 às 12h e de 14 às 17h.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s